Saltar para o corpo principal (tecla de atalho: 1)

Provedoria do Estudante do IPC

PROVEDORA

Drª Maria Helena Seabra de Almeida

CONTACTOS

Serviço de Provedoria | Instituto Politécnico de Coimbra
 R. da Misericórdia | Lagar dos Cortiços |  S. Martinho do Bispo |  3045 – 093 Coimbra
 Tel. +351 239 802 350 / +351 964 529 999
 Fax  +351 239 802 359
 E-mail: provedoria@ipc.pt

Horário de Atendimento: Por marcação prévia

MISSÃO DA PROVEDORA DO ESTUDANTE

Compete à Provedora do Estudante:

 i) Apoiar e promover a integração dos estudantes no IPC, tendo em vista, nomeadamente, o sucesso escolar;
 ii) Apreciar as queixas que lhe sejam apresentadas pelos estudantes sobre questões pedagógicas e práticas administrativos com elas conexas e, caso considere que a razão lhes assiste, dar conhecimento das recomendações, que julgar pertinentes, aos órgãos competentes do IPC ou das Unidades Orgânicas para que as possa atender;
 iii) Convocar diretamente as partes envolvidas numa dada situação de litígio para as audiências que, em cada caso, considere necessárias e realizar as diligências indispensáveis ao apuramento dos factos que originaram essa situação;
 iv) Exercer a função de mediador nos conflitos existentes entre os estudantes e os órgãos, serviços e agentes do IPC e das respetivas Unidades Orgânicas, tendo em vista a tutela da defesa dos legítimos interesses dos estudantes;
 v) Emitir recomendações destinadas a obter a reparação das injustiças praticadas, ou a adoção de procedimentos que melhor se adequem aos justos interesses dos estudantes, nomeadamente no domínio da atividade pedagógica e da ação social escolar;
 vi) Colaborar com os estudantes e as suas estruturas representativas na elaboração de propostas a apresentar aos órgãos de governo do IPC e/ou das Unidades Orgânicas;
 vii) Informar o Presidente do IPC e os Presidentes das Unidades Orgânicas das situações de natureza disciplinar de que tenha conhecimento e que suscitem intervenção.

 ATUAÇÃO

Atuação da Provedora do Estudante

A provedora do estudante exerce a sua actividade com total independência, isenção e liberdade, e pauta a sua acção pela lei e pelos princípios de boa conduta e de equidade, intervindo, nos conflitos, numa perspectiva de mediação e de conciliação de interesses.

Para o apuramento dos factos ou omissões, objecto da queixa, a provedora do estudante efectua as diligências que entenda necessárias e convenientes, podendo convocar e ouvir, individual ou conjuntamente, o queixoso e/ou os visados pela queixa, exercendo uma intervenção mediadora, com vista a uma solução consensual que repare a injustiça praticada.

A actuação da provedora do estudante tem por limite o respeito pelas competências específicas dos órgãos de governo das Unidades Orgânicas e do IPC.

A cada queixa recebida pela provedora do estudante corresponde um processo, de natureza confidencial, dele se extraindo apenas os dados de natureza estatística destinados à elaboração de um Relatório Anual de Actividades, a ser submetido à apreciação do Presidente do IPC.

Cisco Networking Academy imagem usada para separar Associação Nacional dos Engenheiros Técnicos Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas Comissão do Mercado de Valores Mobiliários Autoridade para as Condições do Trabalho imagem usada para separar Biblioteca do Conhecimento Online Eduroam